O que não deve fazer quando vai a casa de alguém

Angebot anfragen

Nummer ist ungültig. Bitte überprüfen Sie die Ländervorwahl, Vorwahl und Telefonnummer.
Mit Klick auf 'Absenden', bestätige ich die Datenschutzbestimmungen gelesen zu haben & bin einverstanden meine Informationen zu verarbeiten um meine Anfrage zu beantworten.
Hinweis: die Einwilligung kann per E-Mail an privacy@homify.com widerrufen werden

O que não deve fazer quando vai a casa de alguém

Ida Gaspar – homify Ida Gaspar – homify
industriell  von UNCUT, Industrial
Loading admin actions …

É bom sermos convidados e sermos bem recebidos na casa de alguém, mas há algumas regras que não devemos esquecer, para que sejamos sempre uns bons companheiros! Há amizades ou relações que se perdem por pouca coisa, e algumas delas podem relacionar-se com o facto de não se ter gostado do comportamento de quem recebemos, em nossa casa. Há que manter uma regra de boa educação, que vai muito além das regras de etiqueta. Há que saber estar, não é verdade?

Para que esteja bem claro com todos os nossos leitores, decidimos reunir algumas coisas menos agradáveis que são por vezes feitas, de modo a não repeti-las, na próxima visita. Afinal, aprendemos e melhoramos todos os dias, e hoje mostramos-vos como o pode fazer. 

Descubra 10 coisas que não deve fazer quando vai a casa de alguém.

1. Chegar (muito) cedo ou (muito) tarde

Skandinavische Esszimmer von homify Skandinavisch

Sabemos que, de forma geral, o povo português tem por hábito atrasar-se, mas não quer dizer que deve manter essa tradição eternamente. Estamos sempre a tempo de mudar velhos hábitos. 

É claro que, em jantares menos formais pode atrasar-se entre 10 a 15 minutos, até pode dar jeito ao cozinheiro. Atenção que chegar também muito cedo, pode atrapalhar o anfitrião. Seja mais ou menos coerente e avise em caso de grandes mudanças.

2. Não perguntar se deve ou não retirar os sapatos

Projekt Harvestehude Moderner Flur, Diele & Treppenhaus von decorazioni Modern
decorazioni

Projekt Harvestehude

decorazioni

Não é um grande hábito português, de facto. Mas não sabemos os hábitos de cada um, que podem relacionar-se com a religião ou costumes de sempre…

Antes de entrar pela casa adentro, deve perguntar se pode entrar com os sapatos. Como sabe, trazemos imensas sujeiras da rua que se irão espalhar pela casa adentro, inclusive os tapetes. Por isso, fica sempre bem retirar os sapatos. Quem não gosta de andar descalço, peça um par de chinelos. 

3. Vir de mãos vazias

industriell  von UNCUT, Industrial

Fica sempre bem chegar a casa de quem nos convidou com um presente, como forma de agradecer o convite. Sabemos que uma receção, independentemente do estilo e da forma acarreta gastos e trabalho. Neste sentido, deve trazer um miminho, seja uma garrafa de vinho, umas flores ou uma sobremesa, mesmo que esta seja feita por si. De certeza, que o seu anfitrião ficará contente. 

4. Não perguntar qual é o melhor lugar para se sentar

Pode não haver um lugar marcado e específico para cada convidado, no entanto, o anfitrião preferirá mais um lugar do que outro, além do hábito do dia-a-dia, será para facilitar as várias idas à cozinha. Como tal, antes de se sentar, pergunte qual é o melhor lugar. 

5. Devorar a comida

Não devemos ir à casa de alguém cheio de fome, de forma a manter boa educação e não saltar para cima da comida. Mantenha atitude e vai petiscando com calma, aos poucos também irá saciar a sua fome. 

6. Não fazer a cama

Skandinavische Schlafzimmer von Maqet Skandinavisch Holz Holznachbildung

Se ficar a pernoitar, faça a cama ou retire os lençóis da cama. Quando somos convidados em casa de agluém, não nos devemos esquecer que não estamos num hotel e devemos respeitar o ambiente e o espaço, onde estamos. Mesmo que fazer a cama não seja um hábito seu, deve esforçar-se e mostrar boa educação. 

7. Invadir a privacidade

Com isto falamos de entrar sem autorização em espaços privados, como o escritório, o quarto ou outra divisão mais resguardada. Há espaços que são demasiados pessoais e que só devemos entrar com a autorização do respetivo morador. 

Por outro lado, não deve abrir armários, frigoríficos, mexer em alguma coisa ou mesmo servir-se, sem pedir, pelo menos licença.

8. Não manter o espaço limpo

Antes de ir à casa de banho, pelo menos a primeira vez, deve pedir licença. 

Quando for à casa de banho é fundamental deixar o espaço limpo, puxar a descarga e fechar a tampa da sanita. 

9. Não ajudar o anfitrião, mas sem exageros

Moderne Esszimmer von B.loft Modern

Quem nos recebe não é um empregado de um restaurante, como tal devemo-nos nos mostrar disponíveis e ajudar se necessário. Ajude a retirar umas loiças da mesa ou a preparar alguma coisa, mas pergunte sempre ao anfitrião. Nem toda a gente gosta da invasão do seu espaço.

10. Não avisar das nossas restrições alimentares

Seria desagradável para o cozinheiro ver que não comeu nada. O anfitrião sentirá que o seu prato foi um fracasso total, deixando-o nervoso e triste para o resto do dia ou da noite. Por isso, deve informar a quem vos convida das vossas restrições alimentares, sejam elas de ordem alérgicas ou de estilo de vida (religião, vegetariano, dieta… ). 

11. Ser anti-social

Se está convidado em casa de alguém deve esforçar-se para conviver, falar e partilhar bons momentos. Não se deve isolar num quarto ou passar o tempo ao telemóvel. 

VIO 302 - Terrasse Moderner Balkon, Veranda & Terrasse von FingerHaus GmbH - Bauunternehmen in Frankenberg (Eder) Modern

Sie suchen einen Architekten?
Schreiben Sie uns! Wir helfen Ihnen gerne.

Nach passenden Wohnideen stöbern