Granito: conheça três tipos perfeitos para a bancada da sua cozinha

Angebot anfragen

Nummer ist ungültig. Bitte überprüfen Sie die Ländervorwahl, Vorwahl und Telefonnummer.
Mit Klick auf 'Absenden', bestätige ich die Datenschutzbestimmungen gelesen zu haben & bin einverstanden meine Informationen zu verarbeiten um meine Anfrage zu beantworten.
Hinweis: die Einwilligung kann per E-Mail an privacy@homify.com widerrufen werden

Granito: conheça três tipos perfeitos para a bancada da sua cozinha

Patricia Smaniotto – homify Patricia Smaniotto – homify
Moderne Küchen von Laura Santos Design Modern
Loading admin actions …

Hoje em dia, a cozinha não é mais apenas um espaço de preparação de alimentos, mas incorpora também o aspecto social e de convivialidade. Portanto, o ambiente deve oferecer conforto, beleza e funcionalidade. 

funcionalidade está associada aos acabamentos, mas há materiais bonitos cujo uso não é recomendável com a natureza particular da cozinha. É um ambiente úmido e às vezes muito quente que em geral é usado diariamente e onde rapidamente são geradas marcas ou manchas causadas por utensílios e alimentos.  

Outros materiais são escolhas mais populares como a cerâmica, o mármore, os laminados, a madeira devidamente tratada, o cimento e o granito. É sobre este último que nos detemos no livro de ideias que apresentamos a seguir. Conheça os tipos de granito, as vantagens e desvantagens dessa opção, a melhor forma de limpar esse material, a diferença entre ele e o mármore e até estimativa de preços. Depois, é só encomendar a bancada da sua cozinha!

1. Tipos de granito

Dentre os tipos de granito disponíveis no mercado, destacam-se três: o granito em laje, o granito em mosaico e o granito modular. 

O granito em laje é muito utilizado por causa da sua elegância, embora seja o tipo mais caro do mercado. A razão disso é que essa pedra é muito pesada e o seu trabalho, de difícil execução. Ela é fabricada e personalizada em fábrica para depois ser instalada no espaço desejado. Apesar do custo e do preço, esse tipo de granito vale a pena, devendo porém ser instalado de forma correta por um profissional especializado. 

Por sua vez, o granito em mosaico é mais acessível que o tipo em laje, mas se trata de uma pedra de alta qualidade que oferece um ar refinado à cozinha. A desvantagem se encontra na dificuldade de limpeza por conta da textura menos uniforme que obriga a um maior esforço de manutenção.

Já o granito modular é, como diz o nome, produzido em módulos, sendo uma bancada de cozinha construída a partir de peças pré=cortadas. Disponível em diferentes tamanhos e tons, este granito tem preços menores e pode ser instalado sem recorrer a profissionais especializados. É uma boa opção para uma cozinha convencional.

2. Vantagens e desvantagens

A bancada é um dos elementos de maior destaque em qualquer cozinha, não só pelo seu aspecto decorativo, mas também por ser uma superfície de trabalho importante. A sua utilização e relevância tornam fundamental que se pense tanto na estética quanto na funcionalidade. Afinal, para preparar alimentos, precisa-se de algo resistente, fácil de limpar, durável e agradável à vista.

O granito é sempre uma possibilidade de escolha. Afinal, no aspecto estético, é um material refinado que confere elegância à cozinha e se adapta a qualquer estilo. Já no que se refere à funcionalidade, ele garante a segurança da área de trabalho, além de ser resistente à água, ao fogo, ao calor, a manchas, a arranhões e ao desgaste natural da pedra.

Outra vantagem é que o granito está disponível no mercado em muitos tons, o que facilita uma escolha mais condizente com armários, pisos e paredes. Além de ser fácil de limpar, essa pedra não mancha com facilidade, o que torna mais simples a sua manutenção. 

O preço é hoje mais atraente do que há alguns anos, quando era mais raro e mais utilizado pelos ricos. Mas com o maior número de fornecedores de granito, a pedra está cada vez mais acessível e comum. 

Agora, é a vez de se conhecer as desvantagens de se utilizar granito na cozinha. Para começar, apesar da inegável durabilidade desse material, produtos químicos e abrasivos podem danificá-lo, motivo pelo qual devem ser evitados. O granito também não proporciona uma superfície uniforme em termos visuais e o seu peso pode exigir uma estrutura de suporte adicional, principalmente se a superfície for muito extensa. Por fim, a despeito da sua simplicidade e facilidade de manutenção, o material deve ser preparado e instalado por profissionais especializados, o que encarece o produto final do projeto.

3. Limpeza de uma bancada de granito

Moderne Küchen von homify Modern

O granito é um material natural com muitas vantagens, mas, para se usufruir dele, é fundamental o cuidado na manutenção e limpeza. Esta pedra deve ser regularmente limpa com um pano de microfibra, utilizando um pouco de água e realizando a limpeza após o preparo de cada refeição. 

Além desse cuidado diário, deve-se aplicar regularmente no granito um produto próprio para a limpeza desse material, certificando-se de que o produto não contém vinagre, pois o ácido desgasta e degrada a pedra. Os produtos devem ser um pouco abrasivos, mas antes de os utilizar na superfície do granito, deve ser feito um teste para verificar reações adversas. 

Para proteger a pedra e preservar seu brilho, há uma receita natural bastante eficaz: misture sabão não ácido e água morna, esfregue a mistura no granito e, sem lavá-lo, remova o produto somente com um pano limpo e seco.  

4. Diferença entre granito e mármore

Muita gente confunde o granito com o mármore, embora essas pedras sejam muito distintas na sua formação, na durabilidade e no impacto que podem ter sobre o espaço. 

O granito é uma pedra de aparência granular que se forma no interior da terra a partir de minerais cristalizados e é composta basicamente por quartzo, mica e feldspato. Durável e resistente a desgastes no uso diário, esse material é uma excelente opção para cozinhas. 

Já o mármore, que é vista como uma pedra nobre e luxuosa, se origina no calcário metamorfoseado a altas temperaturas e pressões, apresentando cores e texturas diferentes de acordo com o grau de metamorfose e a composição química dos minerais que a compõem. Ao contrário do granito, o mármore tem menor capacidade de resistência e durabilidade, o que exige maior cuidado na manutenção para a aparência original não ser comprometida. 

5. Preços e profissionais

O preço do granito pode variar bastante de acordo com a sua raridade, composição, espessura e até fornecedor, sendo por isso difícil apontar um valor de referência. Ainda assim, cabe dizer que o granito preto e branco obriga a um maior investimento, enquanto o granito cinza é mais acessível. 

A título de ilustração, alguns tipos de granito branco com manchinhas cinza, marrom, bege e outras tonalidades mais claras ficam muito bem na bancada da cozinha e podem ser encontrados com preços que variam entre R$ 240,00 e R$ 330,00 o metro quadrado. Mas se o que busca é um profissional para planejar a sua cozinha, contrate um designer de cozinha do diretório da homify, localizando o que mais convém a você por cidade ou código postal. 

VIO 302 - Terrasse Moderner Balkon, Veranda & Terrasse von FingerHaus GmbH - Bauunternehmen in Frankenberg (Eder) Modern

Sie suchen einen Architekten?
Schreiben Sie uns! Wir helfen Ihnen gerne.

Nach passenden Wohnideen stöbern